Português EnglishSpanish (ES)

A Liderança que Todos Precisamos

Hoje, mais do que nunca, Portugal precisa de liderança e de líderes eficazes. Por isso, a pedagogia da liderança é também hoje mais importante do que nunca. A melhor forma de o fazer é destacar líderes reais, do nosso tempo, que inspiram a sociedade. Ao fazê-lo estamos a mostrar que é possível triunfar em condições adversas. Que é possível ir mais longe. Que os obstáculos que julgamos inultrapassáveis podem ser superados. Que a liderança é fundamental para essa superação. Que o seu exercício está ao alcance de todos os que abraçam os seus princípios fundamentais.

Mas que tipo de liderança precisamos? A crise que atravessamos tem acentuado na opinião publicada e no discurso social o que se poderia arrumar em dois tipos de posturas subentendidas sobre liderança.

O “politicamente correto” procura “líderes perfeitos” que nos devem garantir uma vida de facilidade e sem sobressaltos. Esta postura alimenta-se da crítica a um mito que ela própria cria. Como no mundo real ninguém é perfeito, esta postura politicamente correta da liderança é uma batota perfeita, pois cria uma ilusão irreal mais fácil de destruir. Alimenta-se da procura de falhas, naqueles que se destacam por algum motivo, que inflamem a indignação. Esta postura propicia o status quo. “Se os líderes nos falham porque havemos nós de nos esforçar, mudar e superar”. É um exercício de tiro ao alvo inconsequente em termos dos resultados e desmobilizador em termos da força anímica de todos. É fácil projetar onde é que esta postura nos leva. De razão em razão, ao falhanço coletivo final.

Por outro lado, o “politicamente maduro” procura “líderes eficazes e autênticos”. Pessoas de carne e osso, que superam as suas limitações com o apoio, envolvimento e implicação das equipas que formam e lideram. A liderança é vista realisticamente, não como um estado de perfeição e superioridade, sem falhas, inatacável, mas como uma capacidade de agregar vontades, recursos e competências, de atrair, inspirar e motivar os outros para um caminho partilhado e distintivo em prol de uma visão inspiradora e de objetivos concretos. Nesta postura sobre a liderança, o líder é reconhecido pelas suas qualidades na exata medida em que estas permitem atingir objetivos coletivos e mobilizar as pessoas para as mudanças necessárias para os atingir. Esta postura leva-nos, de esforço em esforço, de superação em superação, ao sucesso coletivo final, para o presente e para futuras gerações.

Aos líderes perfeitos, cobramos. Os líderes autênticos, apoiamos, porque somos parte integrante do sucesso coletivo dessa liderança. É esta postura sobre a “liderança eficaz e autêntica”, que devemos promover, sabendo que em situações e em tempos diferentes, por vezes somos líderes e por vezes somos seguidores.

Para este efeito, é de fundamental importância saber identificar e enaltecer os casos reais de pessoas que se destacaram neste exercício coletivo que é a liderança, que a todos nos enobrece, aos líderes e aos seguidores. Reconhecer, aprender e procurar inspiração naqueles que se destacam na liderança é um ato de grandeza e generosidade, mas também um ato inteligente de interesse próprio, em prol de um futuro melhor. Felizmente, contrariamente ao que muitas vezes se propaga, temos muitos e bons exemplos de liderança no nosso país que nos podem inspirar a todos para um futuro melhor.

UK betting sites, view information for Sign Up Bonuses at bookmakers