Português EnglishSpanish (ES)

O que fazem os líderes eficazes

Porque é que certas pessoas têm um sucesso continuado e recorrente na liderança de empresas ou de organizações de todos os tipos? O que fazem os líderes eficazes que os distingue dos demais?

Em primeiro lugar é preciso ter a noção de que nenhum processo de nomeação formal garante a liderança. Ou já é o reflexo do reconhecimento de uma capacidade de liderança ou é uma simples oportunidade de liderança, que vai ter de ser comprovada e testada. A liderança não é um posto, nem um título. É um processo interactivo através do qual uma pessoa exerce uma “influência dominante” sobre seguidores voluntários. A liderança exerce-se.

A prática da Leadership Business Consulting nas empresas e no desenvolvimento de líderes em contextos organizacionais complexos ilustra que os líderes eficazes concentram a sua acção e têm desempenhos superiores à média em seis dimensões de actuação:

   I)         Têm Carácter e Competências Pessoais;
   II)        Definem e Comunicam um Caminho Atraente e Mobilizador;
   III)       Estão Focados na Concretização de Resultados;
   IV)       Inovam e Aumentam a Capacidade Organizacional;
   V)        Atraem, Inspiram e Gerem Talento e Desenvolvem Outros Líderes;
   VI)       São Competentes no Negócio da sua Organização.

1. Os Líderes Eficazes têm Carácter e Competências Pessoais

O substrato do exercício da liderança é o carácter. Falhas de carácter retiram a base de sustentação de qualquer processo de liderança. Por outro lado, um carácter e uma base ética exemplares sustentam um líder mesmo em condições adversas do exercício da sua liderança. Algumas competências pessoais também são importantes:

  • Honestidade, integridade e coragem;
  • Uma imagem positiva;
  • Inteligência emocional;
  • Bom humor;
  • Elevada capacidade de comunicação em grupo e de transmitir os objectivos em interacções um para um;
  • Elevada exigência sobre os níveis de desempenho;
  • Saber assumir responsabilidades; e
  • Auto-confiança e humildade.

2. Os Líderes Eficazes Definem e Comunicam uma Visão Inspiradora, Estabelecem uma Direcção

FotoLiderar é atrair, inspirar e motivar os outros para um caminho partilhado e distintivo.
É influenciar determinantemente as opções dos outros. Por isso, um verdadeiro líder vai para além da mera satisfação de interesses. Conquista corações e mentes, através de um conjunto diferente de atributos caso para caso, com especial preponderância para a capacidade de definir e comunicar uma visão e um caminho atraente.
Esta visão deverá alterar os valores assumidos pelos seguidores por forma a ter um impacto transformacional.
A satisfação de interesses tem um impacto transaccional, quando os interesses deixam de ser satisfeitos o impacto do líder enfraquece. Por outro lado, uma visão inspiradora e os novos valores que esta estabelece mantêm a  influência do líder mesmo na ausência de obtenção de resultados no curto prazo.

O que fazem os líderes eficazes que definem caminhos atraentes?

Para definir uma direcção atraente baseada numa visão clara e em objectivos mobilizadores e em planos de acção
rigorosos, os líderes precisam de:

  • Saber ler o terreno competitivo;
  • Estar focados no futuro;
  • Ter uma perspectiva estratégica clara;
  • Serem inovadores para ganharem vantagem competitiva;
  • Demonstrar espírito empreendedor;
  • Enfrentar riscos calculados acima da média;
  • Comunicar de forma a inspirar e motivar; e
  • Perseguir os seus objectivos de forma determinada.

Foto

3. Os Líderes Eficazes Estão Focados na Concretização de Resultados

Os líderes eficazes têm dois grandes atributos sinergéticos e interdependentes:

  • Seguidores; e
  • Resultados eticamente sustentáveis e estratégica e socialmente alinhados.

Mais do que ser líder, um indivíduo “torna-se” líder através de um processo, que está baseado num relacionamento de troca: líderes oferecem um rumo e resultados, seguidores oferecem observância.

Resultados que beneficiam todos os stakeholders

Os líderes eficazes precisam de criar valor de forma  eticamente sustentável  para um vasto conjunto de stakeholders, de forma equilibrada:

  • Clientes, que trazem receita;
  • Empregados, que inovam e produzem;
  • Fornecedores e parceiros, que alavacam a oferta da empresa; e
  • Accionistas, que apostam na empresa e mantêm o nível de investimento necessário.

Adicionalmente, um líder eficaz precisa de estar alinhado com os valores sociais dominantes, como a protecção do ambiente e a responsabilidade social.

O calendário em que estes resultados são obtidos é fundamental para compensar atempadamente os esforços colectivos e evitar a desmobilização e o desgaste da credibilidade inicial do líder. Por este motivo, os chamados quick-wins ou ganhos rápidos são fundamentais para não esgotar e para reforçar os créditos iniciais.

4. Os Líderes Eficazes Inovam e Aumentam a Capacidade Organizacional

Foto
Para além de obter resultados hoje, um líder eficaz preocupa-se com o aumento da capacidade para obter resultados amanhã, com ou sem a sua liderança. Aposta na inovação que resulte em vantagem competitiva para obter melhores resultados, promove a devida transformação organizacional e faz as coisas acontecerem.

O que fazem os líderes eficazes para transformarem as organizações?

Neste contexto, os líderes eficazes demonstram uma grande capacidade para:

  • Questionarem o status quo;
  • Assumirem a iniciativa;
  • Inovarem a forma de trabalhar;
  • Mobilizarem as pessoas para a necessária transformação dos recursos, sistemas e processos de trabalho;
  • Impactarem na cultura da organização;
  • Promoverem a partilha de conhecimento;
  • Darem feedback com eficácia e atempadamente;
  • Gerirem com eficácia, rigor e justiça os incentivos e as penalizações; e
  • Fazerem a mudança acontecer apesar dos obstáculos que se apresentem.

5. Os Líderes Eficazes Atraem, Inspiram e Gerem Talento e Desenvolvem Outros Líderes

Os líderes eficazes sabem que o seu potencial é determinado pelas pessoas que o rodeiam. Têm a consciência de que na sociedade do conhecimento, o talento é a principal fonte de vantagem competitiva. Por isso, procuram e cativam os melhores talentos. Assumem essa responsabilidade directamente.

O que fazem os líderes empresariais para atrair, inspirar e gerir talento?

Os líderes empresariais eficazes não dependem nem se limitam a sistemas formais de controlo e comando. Constroem relacionamentos de confiança e com significado com os seus colaboradores, obtendo o seu comprometimento e a sua observância mesmo na ausência da hierarquia e do poder formal.
Para isso:

  • São bons ouvintes;
  • Promovem a colaboração;
  • Mostram reconhecimento pelo sucesso;
  • Partilham poder e delegam responsabilidades;
  • Celebram as vitórias; e
  • Criam momentum através do capital psicológico positivo.

O teste final de um líder empresarial eficaz é a sua capacidade para desenvolver os outros, e para desenvolver líderes em vários níveis da empresa e para o futuro. No presente, o desenvolvimento e a liderança de outros líderes tem um efeito multiplicador sobre os resultados. No futuro, a sucessão revela o valor duradouro de um líder. Uma organização que desenvolva líderes de forma sistematizada em vários níveis da organização tem maiores probabilidades de sucesso a curto e longo prazo, porque tem pessoas com capacidade para antecipar e liderar processos de mudança e inovação competitiva

O que fazem os líderes eficazes para desenvolverem outros líderes?

FotoDedicam uma grande parte do seu tempo ao papel de “teachers” ou de “coaches” de pessoas chave, em processos contínuos de formação interna e apostam em Planos de Desenvolvimento de Liderança, formais e devidamente estruturados, alinhados com a estratégia de longo prazo.

6. Os Líderes Eficazes São Competentes na Actividade da sua Organização

Um líder eficaz tem de ser competente na actividade da organização em que actua.

Em muitos casos, os líderes são avaliados essencialmente pelo seu carisma e menos pelo seu grau de competência. O carisma sem competência na actividade da organização, pode ser altamente permicioso para toda a organização, especialmente nas condições altamente competitivas da economia globalizada e da sociedade em rede. O carisma está altamente sobrevalorizado no imaginário popular, na literatura e nos media e a competência subvalorizada.

 

 

 

Acima de tudo, o líder eficaz tem de ter a competência suficiente para tomar boas decisões em tempo real e nos momentos decisivos, com a informação que tiver disponível. Para este efeito, o líder eficaz precisa de:

  • Dominar o processo estratégico (para ganhar vantagem competitiva);
  • Ser capaz de conceber e montar arquitecturas organizacionais ágeis, justas e flexíveis;
  • Ser exímio no processo de marketing (compreender e estar focado no mercado e no cliente);
  • Ser capaz de promover a inovação;
  • Saber identificar as melhores opções financeiras; e
  • Saber fazer a organização atingir a excelência operacional e elevada produtividade.


Na liderança, mais importante do que estudar, saber, explanar, justificar, preparar e gerir, é mobilizar para fazer as coisas acontecerem, é obter resultados que satisfazem todos os stakeholders, conquistando os corações e as mentes dos outros, enfim a confiança, o respeito e a admiração.



Foto

 
 

UK betting sites, view information for Sign Up Bonuses at bookmakers